Skip to content

Tudo que você precisa saber sobre Inbound Marketing

Tudo que você precisa saber sobre inbound marketing
Francesca Marcilio

Francesca Marcilio

Diretora da Begin Marketing de Relacionamento e especialista em Marketing, com MBA pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), é Bacharel em Relações Públicas pela Universidade de Caxias do Sul (UCS), tendo recebido a Láurea Acadêmica por suas excelentes notas e a Medalha Dolaimes Stedile Angeli, Mérito Relações Públicas.

Certamente se sua empresa já aderiu ao marketing digital, já deve ter ouvido falar em Inbound Marketing. Mas você sabe exatamente do que se trata e como ele funciona? Acompanhe a seguir tudo o que você precisa saber sobre Inbound Marketing e compreenda por que essa estratégia é tão importante atualmente e como aplicá-la em sua empresa.

O QUE É INBOUND MARKETING?

Basicamente trata-se de um conjunto de estratégias de marketing que visam atrair e converter clientes baseado em conteúdo relevante. Diferente do marketing tradicional, no Inbound Marketing a empresa não vai atrás de clientes, mas explora canais como mecanismos de busca, blogs e redes sociais para ser encontrada. Ou seja, no Inbound Marketing, é o cliente que procura pela empresa. São realizadas ações focadas em atrair o cliente em potencial para seu blog ou site e, a partir dessa atração, é feito todo um trabalho de relacionamento, com conteúdos mais personalizados, a fim de educar esse público sobre sua empresa e influenciar sua decisão de compra futura.

ORIGEM DO INBOUND MARKETING

Acredita-se que o Inbound Marketing já exista há décadas e que o conceito surgiu baseado no Marketing de Permissão, fundamentado nas ideias de Godin, no livro “Permission Marketing”. Mas o fato é que a estratégia se popularizou após 2009, com o livro “Inbound Marketing: seja encontrado usando o Google, a mídia social e os blogs”, de Brian Halligan e Dharmesh Shah.

INBOUND MARKETING OU MARKETING DE CONTEÚDO?

Ambas estratégias se assemelham muito por usarem estratégias de conteúdos, porém o Inbound é mais focado em gerar leads, enquanto o Marketing de Conteúdo é mais focado em encantar. E o Inbound Marketing atingiu patamares que o marketing tradicional não conseguiu, como por exemplo, transformar a área de marketing da empresa em um centro de investimento e não um centro de custo, já que todas as ações de Inbound Marketing podem ser mensuradas, podendo identificar exatamente quantas pessoas visualizaram, converteram ou compraram em cada campanha por meio de ferramentas de web analytics.

Com base nessas informações é possível otimizar as campanhas para ter um melhor ROI (retorno sobre investimento), atendendo estas 5 grandes ações:

  • Aumentar a visibilidade de seu negócio
  • Diminuir o custo de aquisição de seus clientes
  • Atrair clientes em potencial
  • Gerar conteúdos que fazem diferença
  • Otimizar o processo de vendas

Por isso que, diariamente, mais e mais empresas estão aderindo ao Inbound Marketing, seja para conquistar mais clientes, gerar mais vendas ou reforçar seu reconhecimento junto ao público.

POR QUE É VANTAJOSO SUA EMPRESA ADERIR?

O simples fato de que a metodologia do Inbound Marketing costuma ser em média 62% mais barata que as ações de Marketing convencional, já é um grande argumento por si só. Mas vale ressaltar que, além do investimento vantajoso, o inbound marketing também traz resultados.

E por ser um Marketing de Atração, é importante ser encontrado quando as pessoas buscam por soluções nos mecanismos de busca, leem seus e-mails e quando navegam nas redes sociais, afinal, o simples fato de não investir nesses meios, já coloca sua empresa atrás dos concorrentes que utilizam a metodologia.

COMO APLICAR O INBOUND MARKETING NA SUA EMPRESA

Antes de mais nada, é preciso criar uma boa estratégia onde será necessário definir seu público, criar uma persona, definir a jornada de compra do seu cliente e estruturar um funil de vendas. Somente depois destes passos, você passa para a etapa de planejamento e criação de conteúdo relevante para alcançar sua persona e incentivá-la a se tornar um cliente em potencial.

ETAPAS DO INBOUND MARKETING

O passo a passo do Inbound Marketing é simples e deve passar pelas seguintes etapas: Atrair, Converter, Relacionar, Vender e Analisar.

Atrair:

A primeira etapa do Inbound Marketing é “atrair”. Ao invés de procurar pessoas que poderiam se interessar sobre seu negócio/mercado, foca-se na estratégia de atrair as pessoas de forma espontânea, o que gera um público muito mais engajado e propenso a realmente consumir o produto. As principais estratégias para atrair o seu público são blogs, normalmente atrelados a uma estratégia de Marketing de Conteúdo e ações de SEO, que focam para que o seu site apareça organicamente nas pesquisas da primeira página do Google.

Converter:

Para o visitante virar um lead/cliente em potencial e avançar no processo de compra, aqui estimula-se o usuário a passar suas informações de contato em troca de uma recompensa ou benefício, como uma oferta de material rico/e-book ou um cupom de desconto.

Existem várias estratégias que podem incentivar os visitantes da sua página a se tornarem leads, como por exemplo, criação de ofertas, Landing Pages (uma página feita com foco em converter leads) e CRO (otimização da conversão) que molda a experiência do usuário de forma que suas ações sejam direcionadas ao propósito da página.

Relacionar:

Chet Holmes, autor do livro “The Ultimate Sales Machine“, traz a seguinte abordagem: “Apenas 3% do seu mercado em potencial está buscando por uma solução, ou seja, está na etapa de Decisão de Compra.” Considerando que nem todos os clientes em potencial encontram-se no seu momento para realizar uma compra, identificamos que existem etapas bem definidas que devem ser respeitadas até o momento em que cada pessoa esteja “pronta” para receber uma abordagem. É aí que entra a etapa de relacionamento, onde, através de algumas estratégias que identificam os estágios em que se encontram os leads, é possível acelerar o processo de compra, incentivando este lead a finalizar sua jornada de compra, de diversas formas.

Vender:

Ao aplicar o inbound marketing, todo o trabalho de geração e nutrição de leads tem o objetivo de gerar demanda e oportunidades de negócio para a sua empresa. Em alguns casos, o processo de vendas acontece dentro do próprio website, e em outros é necessário o contato entre um vendedor e o potencial cliente.

Analisar:

Como já comentado anteriormente, uma das principais vantagens do inbound marketing é poder avaliar de forma mais precisa seus resultados com a comprovação do retorno dos seus investimentos, baseada nos registros da jornada dos usuários, onde é possível monitorar cada ação nas interações do seu público com seus sites, posts e campanhas, o que torna o trabalho mais assertivo. Além disso, todo o processo pode ser otimizado utilizando algumas ferramentas de Web Analytics como o Google Analytics, onde é possível extrair diversos dados importantes para analisar mais a fundo suas estratégias de Inbound Marketing. Outra ferramenta muito completa quando o assunto é Inbound Marketing, é o RD Station Marketing, que além de realizar diversas ações de forma automatizada, como envio de e-mails e processamento da sua base de contatos, fornece ferramentas para monitoramento da performance de cada componente do Marketing Digital da sua empresa.

Se sua empresa já aderiu ao Inbound Marketing, parabéns, você já está no caminho para ser mais competitivo! Caso ainda não tenha aderido, leve em consideração todas as dicas acima para não perder mercado para a concorrência e conte com a ajuda da Begin nesse processo.

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − catorze =